Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



5 anos de Saltita

por Saltita, em 12.06.13

Há cinco anos atrás, num dia como os outros, chamou-me a atenção o título da peça a passar num canal de televisão: " O Homem que Matou a Morte". Parei para ouvir a história do improvável. Ao Salvador foi dito que tinha 0,01 % de hipoteses de sobreviver. Ele respondeu que era esse "0,01%".

 

Colada ao ecrã fiquei saber da sua luta contra a fatalidade. Fiquei fã. Depois falou do seu blog e de como isso lhe criou um universo de cumplicidades e se tornou numa arma contra a doença que teimava em reincidir e que ele vencia batalha após batalha.

 

O poder da palavra. O poder do amor. A força do pensamento positivo. Tudo isso me agradou. Como em todas as coisas vem à cabeça um nome. Se eu tivesse um blog seria o blog da Saltita. Abri o computador e ali na mesa da cozinha apareceu o primeiro post. Depois o segundo e depois muitos mais.

 

Tudo era motivo de inspiração. Ligaram-se os amigos presentes e ausentes, familiares e desconhecidos. Criei um público e despertei para um universo de dimensões que nem eu mesma conseguia imaginar. As fotos, os poemas, as reflexões foram num espaço de anos construindo um fiel depósito de sensações e memórias. Tornei-me a melhor amiga do meu blog.

 

As emoções ligaram-se entre os leitores como fios de amor invisível mas verdadeiro e fiel. As pessoas comentavam "fizeste-me chorar", " emocionaste-me", "fizeste-me rir", " fizeste-me respirar ar puro" e isso dá um sentido incrível a toda esta criação.

 

Uma das últimas revelações foi feita por uma das minhas melhores amigas que em tempos a vida afastou. Ela disse-me que durante o tempo em que não me via o blog era o único elo de ligação entre nós. E isso diz o quanto este cantinho significa nas vidas das pessoas.

 

Por isso continua e continuará.

 

O Salvador que me inspirou já não está entre nós fisicamente, mas a prova que o amor que damos é o melhor legado das nossas vidas seja qual for o instrumento com que o transmitimos, é que ainda hoje escrevo neste blog. Ainda hoje alguém que não conheci pessoalmente me influenciou e isso mudou a minha vida e a vida de tantas pessoas à nossa volta.

 

A vida é mais do que pensamos e ela continua e continuará para além das dimensões que sabemos visiveis. Estejas onde estiveres, obrigado Salvador.

 

 

Estes 5 anos são para vocês, todos os meus fios invisíveis. Fiquem à vontade para apagar as velas e pedir todos os desejos que tenham no vosso coração.

 

Um sorriso e um abraço,

 

Saltita.

 

1

2

3...

 

 

publicado às 23:59


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D