Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Podemos?

por Saltita, em 04.06.13

"Podemos escolher não lutar por quem não luta por nós, não esperar porque quem não tem tempo para nos dar, não sonhar com quem não sonha connosco. A reciprocidade é um dos ingredientes fundamentais do amor verdadeiro, sem ela, nada feito."


Margarida Rebelo Pinto 

 

 

Após acesa discussão temo pela nossa sanidade. Será que podemos mesmo escolher? Será que existe algo de racional no jogo dos afectos?

Será que para ser verdadeiro o amor tem de ser reciproco? Será que o amor para existir tem de ser o "verdadeiro"?

 

Há Amor fora da verdade. Fora das verdades. Sem reciprocidade. Sem data de expiração. Sem moeda de troca.

Não há medidas para o Amor.

 

E com isso...tudo é feito porque tudo faz sentido, mesmo quando nada faz. 

 

Saltita 

publicado às 20:24



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D