Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Fenómenos Vinho do Porto

por Saltita, em 27.06.11

publicado às 22:38

Not so Silent Rebellions

por Saltita, em 26.06.11

A Saltita reabre o seu espaço de ruptura. Vão rolar mentalidades.

publicado às 19:02

Coisas em que acredito XXV

por Saltita, em 25.06.11

 

 

 

 

"Há manhãs assim, cheias de vida e de luz, em que se acorda já de olhos abertos e o coração cheio."

 

Este Verão é a tardia promessa de uma manhã que começou hoje. E começou tão bem ...

publicado às 22:59

Aí está

por Saltita, em 23.06.11

publicado às 11:21

Girl Power Feng-shui

por Saltita, em 23.06.11

 

Sou a favor de mudanças: mesmo que sejam mínimas,nunca são irrelevantes. Todas as pequenas mudanças são o início de um novo ciclo, de um ar novo que se respira, de uma nova energia. Mudar, mudar, nem que seja o livro de uma estante, uma estante para outra parede. Colocar um novo quadro, uma flor, uma moldura e parece que muda tudo. É uma forma de criar espaço físico e psicológico para as coisas realmente importantes. Este princípio aplica-se desde a gaveta do escritório ao escritório da nação. Assim foi na Assembleia da República. Não cabe quem quer, cabe quem pode. O problema é que, por sistema, quem deve não quer e quem não deve ...pode. Mas não estamos condenados. A prova foi a categórica rejeição de Fernando Nobre para deputado. Esta prova de não-acomodação à mentalidade do " é o que temos", contribuiu para algo inédito. Veja-se que pela primeira vez na história temos uma mulher presidente da Assembleia da República. Mas não é este o único motivo de regojizo. A senhora foi eleita por unanimidade. Ou seja: Bloco de Esquerda, PCP, CDS, PS e PSD a reconheceram como a mais qualificada para um dos mais altos cargos da Nação. Este é um feito inédito.

Ver uma mulher ali sentada dá-me esperança. Esperança na mudança de mentalidades e de perspectivas. Por último, a senhora que conquistou o inconquistável, conquistou-me a mim quando,pedindo desculpa pela expressão que ia utilizar, agradeceu aos deputados e afirmou estar a sentir uma alegria "cristã" pelo que lhe estava a acontecer. Um cristão sabe o que isso significa. A alegria cristã é pura e inesperada, porque provém da fé, algo que não sabemos explicar mas temos a certeza que existe. É este sentimento que nos faz caminhar pela vida e enfrentar as adversidades com um sorriso no rosto e assim deixar o caminho liberto para que tudo aconteça como tem de acontecer. Assim foi e assim será.

publicado às 11:11

To make a long story short

por Saltita, em 20.06.11

publicado às 23:44

Razões

por Saltita, em 18.06.11

Estava eu a pensar em colocar aqui esta foto, quando uma leitora do Brasil resolve comentar o meu post sobre a Casa das Sete Mulheres e me informa de um pacote turístico intitulado " Caminho Farroupilha". Não sei quando, nem como mas já tenho uma razão muito forte para ir ao Brasil. Como se o Brasil precisasse de motivos para ser visitado ou a história para ser recontada. 

 Esta é Casa onde foi filmada a série, perto da cidade de Pelotas. Um "presente" de alguém que passou por lá e se lembrou de mim. Espero um dia retribuir.

publicado às 15:39

Em jeito de facebook

por Saltita, em 18.06.11

GOSTO. Acrescento que as escolhas para a Justiça e Educação não poderiam ser melhores.

publicado às 12:20

Feriados, pontes e afundanços

por Saltita, em 17.06.11

Que fique aqui registado o meu solene protesto contra alguns feriados e sobretudo contra as pontes. A meu ver os feriados servem para comemorar algo. Quando 80% dos portugueses não sabem porque é que é feriado, este não tem razão de existir. Para quê feriados religiosos numa sociedade laica?Nunca vi os partidos de esquerda reclamar, curiosamente.  Concordo que sendo a matriz sócio-cultural portuguesa, uma matriz cristã, alguns feriados devam ser mantidos a bem de tradição e das pessoas que a seguem. Mas para tal chega a Páscoa e o Natal.Para quê o Corpo de Deus,a Imaculada Conceição e o dia de Todos- os-Santos ? Em termos históricos, das duas uma. Ou se celebram ou não se celebram. Se não, mais vale acabar com a Restauração da Independência e celebrá-la no dia de Portugal, por muito que isso me custe! Acrescem a estes os feriados municipais que de Norte a Sul do país, acrescentam pontes e dias de lazer ao calendário. É que cada um custa 37 milhões de euros à já fragilizada economia. Este ano foram 10 feriados e sete pontes, uma média que costuma ser de 22.

Se o feriado nem sempre se justifica, a quase obrigatoriedade de ser seguido de uma "ponte" (dia em que não dá jeito trabalhar porque a seguir não se trabalha) torna-o letal.Por essas horas de ócio que, não vou mentir, sabem bem a todos, pagamos cerca de 600 milhões de euros/ano, numa altura de crise.A crise deve-se aos bancos, aos governantes ou também a uma certa mentalidade do " tenho direito a tudo sem em esforçar" que se instalou na sociedade ? Pensem nisso, enquanto vamos a caminho da Grécia e da próxima revisão constitucional.

publicado às 17:56

Coisas em que acredito XXIV

por Saltita, em 16.06.11

"...sê dura com os outros na justa medida em que eles são duros contigo. (…) Aprende a ficar quieta quando o mundo te pede que te movas. Aprende a calar se queres que se calem. Aprende a ouvir nos gestos quem te quer bem quando te abraça e quem te quer mal quando te beija. (…) Não te esqueças de arrumar as gavetas das tuas memórias antes de deixar entrar alguém na tua vida. (…) Fala pouco, devagar, para teres a certeza de que serás ouvida. Fala de tudo e de nada, não te cales se fores interrompida. Fala do mundo e do tempo, pouco dos outros e nada de ti. Elogia quem te faz bem, afasta do teu caminho quem te quis fazer mal. Lembra-te que o orgulho tem mais força que as lágrimas, guarda as dores dentro do peito ou transforma-as em risos. (…) Saí antes do tempo, para que nunca se cansem de ti. Volta quando não te esperam, fica apenas quando te pedem. Ri-te das piadas dos outros, mesmo que não tenham graça. Trata bem quem não conheces, desconfia de quem te quer bem de repente..."

 Margarida R. Pinto

 

 Depois de ler este excerto, a próxima aquisição só pode ser...

 

publicado às 20:33

Pág. 1/3




Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D